Comércio eletrônico deve faturar R$ 3 bi no Dia das Mães

Bolsonaro sanciona lei que muda relação entre BC e Tesouro
3 de maio de 2019
Comércio de Ribeirão Preto tem horário especial para o Dia das Mães
7 de maio de 2019

A previsão da ABComm considera as vendas realizadas no período de 15 de abril até 11 de maio

O comércio eletrônico espera faturar R$ 3,3 bilhões no Dia das Mães. A expectativa é da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), associação que representa o setor. De acordo com a entidade, esse montante é 16% superior ao movimentado na mesma data do ano passado. A previsão considera as vendas realizadas no período de 15 de abril até 11 de maio. Segundo o estudo, o número de pedidos realizados pela internet será de 9,81 milhões, com o tíquete médio de R$ 345.

As categorias mais procuradas para a data são as de moda, cosméticos, eletrodomésticos, flores, além de artigos de casa e decoração, indicando os setores que possuem maior possibilidade de aumentar o faturamento. Ainda segundo a ABComm, esse aumento se deve ao reaquecimento da economia, queda no câmbio e a retomada da confiança do consumidor.

De acordo com Mauricio Salvador, presidente da ABComm, seguindo as demais datas sazonais, que vem apresentando resultados positivos no ano, o Dia das Mães deve também seguir no mesmo caminho. “Sendo uma data de tradicional relevância, as lojas vão preparar ações, ofertas e condições melhores para os consumidores”, afirma.

Amazonas

No Amazonas, o Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Amazonas (Ifpeam) divulgou que o consumidor de Manaus deve gastar, em média, R$ 240, nas lojas físicas. com presentes da data comemorativa, segundo pesquisa de Intenção de Compra e Confiança do Consumidor.

A pesquisa revela, ainda, que 56% dos consumidores acreditam que situação financeira familiar atual quando comparada há seis meses continua inalterada e que 61,5%, acredita que a economia amazonense para os próximos seis meses estará um pouco ou muito pior do que a atual.

Nacional

No varejo convencional, o Dia das Mães deve registrar crescimento de 3,8% nas vendas, em relação ao igual período do ano passado. A data deve movimentar R$ 9,7 bilhões de reais , segundo estimativa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

A CNC espera, ainda, a contratação de 22,1 mil trabalhadores temporários no varejo em todo território nacional para atender a demanda do Dia das Mães. O salário médio de admissão dos temporários é projetado em R$ 1,2 mil, perto de 4% acima do salário médio registrado no igual período do ano passado.

Já a taxa de efetivação deverá ser inferior à média histórica de 5%, registrada em outros anos.

Fonte: D24am

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *