Dólar sobe com exterior e agenda semanal no radar

Vendas do comércio crescem 1,5% em setembro, diz Boa Vista SCPC
20 de outubro de 2017
Atacado paulista gera empregos formais pelo quinto mês consecutivo e evidencia reação do setor, aponta FecomercioSP
24 de outubro de 2017

O dólar desacelerou o ajuste inicial frente o real na manhã desta segunda-feira, 23, mas segue acompanhando o viés positivo da moeda americana no exterior. Os agentes de câmbio estão em compasso de espera por dados e eventos da agenda semanal.

Os destaques são as decisões de política monetária do Comitê de Política Monetária (Copom) (na quarta-feira) e Banco Central Europeu (quinta-feira), além do Produto Interno Bruto dos Estados Unidos do terceiro trimestre (sexta-feira).

Aqui, há ainda expectativas pela votação da segunda denúncia criminal contra o presidente Michel Temer, na quarta-feira, no plenário da Câmara, e o anúncio da bandeira tarifária de novembro, que poderá pressionar mais o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Para o Copom, cuja reunião de dois dias começa na terça, de 78 estimativas colhidas pelo Projeções Broadcast, apenas duas vão em outra direção, sendo uma de recuo mais intenso, de 1 ponto, e outra de menor intensidade, de 0,50 ponto porcentual.

Às 9h36, o dólar à vista subia 0,19%, aos R$ 3,1959. O dólar futuro de novembro avançava 0,08%, aos R$ 3,1995. Lá fora, o Dollar Index avançava 0,28%.

Fonte: IstoÉ Dinheiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *