Preços no comércio eletrônico têm maior queda desde 2013

Caixa destinará R$ 1 bilhão em estímulo a setor varejista
18 de agosto de 2017
Vendas do varejo avançam 0,5% em julho, diz Boa Vista SCPC
22 de agosto de 2017

Os preços do comércio eletrônico recuaram 5,52% em julho na comparação com o mesmo período de 2016, a maior queda desde março de 2013, segundo o Índice Fipe Buscapé. Em relação a junho de 2017, houve queda de 0,42%.

Nos últimos 12 meses encerrados em junho, a inflação dos preços gerais, medida pelo IPCA, ficou em 3,71%, a menor taxa desde fevereiro de 1999. Com isso, os preços na internet tiveram variação de -8,3% em relação aos preços gerais da economia.

“Julho registrou o oitavo mês consecutivo de deflação e o sexto mês de desaceleração dos preços do e-commerce. Depois de uma escalada de preços entre 2015 e 2016, o índice voltou a apresentar o comportamento esperado, que é o de queda constante nos preços”, disse Sandoval Martins, CEO do Buscapé.

Das dez categorias monitoradas, seis apresentaram redução. Os destaques são telefonia (-17,43%), fotografia (-5,58%) e eletrônicos (-4,54%). Brinquedos e games (5%), cosméticos e perfumaria (1,03%), casa e decoração (0,72%) e eletrodomésticos (0,12%) foram os grupos que apresentaram elevação nos preços.

Segundo a pesquisa, por conta de sua composição e características, a cesta de produtos do e-commerce tende a ser deflacionária em condições ideais de mercado. A comparação é feita sempre dos mesmos produtos, que propendem à desvalorização com a disseminação da tecnologia, lançamento de um produto superior na mesma categoria ou troca de coleção e mostruário.

Fonte: Metro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *